Foto: ES Hoje

É comum ser atingido por apelos de Bancos de Sangue (humano) em busca de doadores, mas pouco se fala sobre esse processo para pets. Você sabia que doar sangue, além de ser um ato de amor e empatia, traz benefícios para os bichinhos solidários?

 

Check-up animal

Cada vez que o pet doa sangue – isso é permitido a cada três meses –, diversos exames para monitorar a saúde do mesmo são realizados, de graça.

Para os cães:

  • Hemograma completo (detecta anemia e infecções assintomáticas).
  • Teste de função renal.
  • Detecção de Leshmaniose, Dirofilariose (verme do coração), Erlichia canis e Lyme (doenças transmitidas pelo carraparo), e Brucelose.
  • Avaliação do tipo sanguíneo.

 

Para os gatos:

  • Hemograma completo.
  • Teste de função renal.
  • Sorologia para a FIV (imunodeficiência viral felina) e FELV (Leucemia viral felina).
  • Micoplasmose.
  • Avaliação do tipo sanguíneo.

 

Esses exames não substituem o check-up anual de avaliação da saúde realizado pelo veterinário de sua confiança.

Cães e gatos têm diferentes tipos sanguíneos, que variam entre raças. Antes da transfusão é realizado um teste de compatibilidade. A tecnologia permite transformar uma bolsa de sangue em outras três: uma com concentrado de hemácias, outra com concentrado de plaquetas e, por último, a com plasma. A doação de sangue de um cachorrinho pode ajudar outros quatro, e a de um felino, dois.

 

Critérios para o pet doar sangue

Para ser doador, o cão precisa ser dócil, já que a coleta é feita normalmente pela veia jugular, e preencher alguns requisitos. Os gatos são sedados. É seguro, não demora mais que uma hora e não há nenhum efeito colateral.

 

Cães que podem ser doadores

  • Idade entre 1 e 8 anos.
  • Peso mínimo de 20kg.
  • Temperamento dócil.
  • Sem nenhuma doença pré-existente, transfusão prévia ou cirurgias nos 30 dias anteriores à doação.
  • Não fazer uso de medicação contínua.
  • Vacinação e vermifugação atualizadas.
  • Controle de pulgas e carrapatos.
  • Não estar no cio ou ter saído há um mês.

 

Gatos que podem ser doadores

  • Temperamento dócil.
  • Peso mínimo de 4kg.
  • Idade entre 1 e 7 anos.
  • Vacinação e vermifugação atualizadas.
  • Controle de pulgas e carrapatos.
  • Não estar no cio ou ter saído há um mês.
  • Não apresentar doença ou transfusão prévia.

 

Onde doar em São Paulo

Hospital Veterinário da Universitário Anhembi Morumbi

Rua Conselheiro Lafaiete, 64 – Brás

Tel.: (11) 2790-4693 / (11) 2790-4642 / (11) 2790-4642

 

HOVET – Hospital Veterinário da USP

Av. Prof. Dr. Orlando Marques de Paiva, 87 – Cidade Universitária

Tel.: (11) 3091-1248 / (11) 3091-1364 / (11) 3091-1244

Site: www.fmvz.usp.br/hospital-veterinario

 

Hemovet – Laboratório e Centro de Hemoterapia Veterinária

José Macedo, 98 – Parque São Lucas

Tel.: (11) 2918-8050 / (11) 2918-0082 / (11) 3567-9801 / (11) 3567-9802/ (11) 99655-1583

Site: www.hemovet.com.br

 

Banco de Sangue Veterinário

Desembargador do Vale, 196 – Perdizes

Tel.:  (11) 3476.9461 / (11) 99824-3995

Site: www.bsvet.com.br

E-mail: contato@bsvet.com.br

 

Fonte: BitCao e Amigo Não se Compra