Infelizmente – ainda – são muitos os maus tratos a animais. Para tentar mudar essa realidade, o mês de abril foi escolhido como o mês de prevenção da crueldade contra os bichinhos.

Aposto que você já viu campanhas que envolvem cores de acordo com o mês, como Setembro Amarelo, Outubro Rosa e Novembro Azul. Esses movimentos são, geralmente, simbolizados por um laço da cor escolhida.

Por que um laço? Nos anos 90, ativistas batalharam pela maior conscientização sobre a Aids e assim criaram o laço da cor vermelha, também conhecido por “fita de conscientização”. Depois disso, mais campanhas passaram a associar uma cor e um mês, visando aumentar as mensagens informativas sobre o assunto e promover saúde.

As campanhas de saúde não se limitam aos humanos, já existem movimentos do tipo no mundo pet como, por exemplo, o Outubro Rosa Pet, que tem o objetivo de prevenir o câncer de mama nas gatas e cadelas. Mas, hoje, vamos falar sobre o “Abril Laranja: contra maus tratos a animais”.

 

Abril Laranja: mês da prevenção dos maus tratos a animais

Em algum momento você já deve ter visto notícias, vídeos ou depoimentos sobre maus tratos a animais: cachorro, gato, pássaros, entre outros. São cenas muito fortes e tristes que causam revolta, principalmente para quem ama os peludinhos.

A crueldade com os animais ainda é um problema no nosso bairro, cidade, país e no mundo. Pensando sobre esse assunto, a Sociedade Americana para a Prevenção da Crueldade Contra os Animais (ASPCA) dedica o mês de abril para sensibilizar, promover ações de conscientização e prevenir os maus tratos a animais. Isso porque muitos pets vivem em péssimas condições higiene, são torturados e até abusados. Além daqueles que são vítimas de abandono.

 

Você sabia?

No Brasil, é possível realizar a denúncia de maus tratos legitimada pelo Art. 32, da Lei Federal nº. 9.605/98 (Lei de Crimes Ambientais).

 

Art. 32. Praticar ato de abuso, maus-tratos, ferir ou mutilar animais silvestres, domésticos ou domesticados, nativos ou exóticos:

Pena – detenção de três meses a um ano e multa.

 

É possível denunciar no órgão público competente da sua cidade nos seguintes setores: trabalho de vigilância sanitária, zoonoses ou meio ambiente.

Ao realizar uma denúncia é importante levar, se possível, fotos, vídeos, testemunhas ou alguma evidência do abuso.

Assim como é recomendado não reagir em um assalto, não enfrente sozinho a pessoa que está maltratando um animal, por mais difícil que seja. Afinal, não sabemos o quanto essa pessoa pode ser agressiva.

E você também pode denunciar pelo site da Delegacia Eletrônica de Proteção Animal (DEPA). Para isso, é só clicar aqui.

 

Laço laranja

A ASPCA incentiva o uso do laço laranja para simbolizar o amor, carinho, proteção e respeito por todos os bichinhos.

Que tal apostar em uma gravata borboleta, bandana, bolinha e etc. com a cor no seu pet? Vamos todos juntos contra os maus tratos a animais!