Quem tem cachorro, sabe que garantir que ele tenha uma boa alimentação é essencial para o seu bem-estar. Mas há um problema bastante comum que pode ocorrer até mesmo quando o cão é alimentado com uma ração de ótima qualidade: ele simplesmente se nega a comer.

É possível listar algumas das razões que pode estar fazendo com que seu cão perca o apetite pela ração.

Cães que foram habituados a se alimentar de “comida de gente”, por exemplo, tornam-se exigentes com relação ao gosto, já que nossa comida é mais temperada, dessa forma ele não sente vontade de comer a ração.

Outro motivo muito comum, é quando o cão ganha muitas guloseimas no decorrer do dia, fazendo com que ele fique sem apetite na hora das refeições.

Há ainda a possibilidade do cão estar doente, pois algumas doenças podem levar o cachorro a perder o apetite. Nesse caso, apenas um médico veterinário poderá dar o diagnóstico e iniciar o tratamento correto.

Descartando qualquer problema de saúde e identificando a possível razão para o cão estar sem vontade de comer a ração, torna-se mais fácil de inverter a situação. Confira as nossas dicas para que seu cão volte a se alimentar corretamente:

– Regular a alimentação

Ter apetite aparentemente insaciável é um comportamento normal em todos os cães, mas isso não necessariamente significa que estejam com fome. Portanto, cabe a nós controlar a quantidade e qualidade das refeições.

Cães adultos devem ser alimentados pelo menos 3 vezes ao dia. A quantidade de ração que será dada durante cada refeição irá depender do tamanho e peso do cão.

Importante: não deixe que a ração fique o tempo todo à disposição. Além de estragar, ainda atrapalha na hora de saber o quanto seu cão está comendo.

– Evite guloseimas

A gente sabe que eles gostam muito de petiscos e, para agradá-los, temos sempre alguma guloseima em mãos. Porém, em excesso, isso pode desbalancear a dieta e comprometer o apetite. Afinal de contas, se ele estiver com a barriga cheia de biscoitos, ossos, dentre outros, ele não vai mesmo ter vontade de comer a ração.

– Motive o cão durante a alimentação

Você se lembra do famoso “aviãozinho” que costumava funcionar para os bebês? Não é muito diferente quando se trata de cachorros. Às vezes, eles também precisam de um empurrãozinho.

Torne a hora da alimentação um momento divertido, faça-o cheirar a ração, ensine comandos, interaja com ele e use os grãos como recompensa, e não se esqueça de elogiar e fazer carinho somente quando ele estiver comendo.

– Tornando a ração mais saborosa

É possível enriquecer a ração com algumas gotas de caldo de carne (carne e ossos fervidos em água), tornando a comida mais atraente, sem interferir na qualidade da alimentação.

Uma boa ideia também é a mistura da ração seca com um pouco daquela vendida em latinhas. Por ser mais úmida e geralmente ter uma textura mais leve, o cachorro pode sentir vontade de experimentá-la, abrindo assim o seu apetite.

 

Texto por Patrícia Mota