Quem é dono de pets sabe: a casa fica com pelos por todo lado. As roupas também não escapam. Algumas raças de cães e gatos acabam soltando mais pelos que outras, mas a troca da pelagem é algo comum a todas. Mas, como saber quando a queda dos pelos não está normal?

Matéria - queda de pelosDurante as mudanças de estação, em especial no verão, é comum o bichinho perder um pouco de pelo. Porém, a reposição é praticamente imediata e nada mudará no corpo do animal. Agora se falhas na pelagem começam a aparecer, é provável que algo de errado esteja acontecendo com a saúde do pet.

A dermatopatia, termo utilizado para as doenças de peles como alergias, micoses, sarnas e até mesmo infecções, pode ser uma das principais causas para a queda de pelos em cães e gatos. Mas a falta de vitaminas e sais minerais também é fator que desencadeia o problema nos bichos, por isso a importância de oferecer uma alimentação balanceada, com ração de qualidade e adequada para idade, tamanho e peso do animal.

A escovação diária é fundamental, principalmente para os gatos, que se lambem muito e podem ter sérios problemas com as bolas de pelo no estomago. Banhos com produtos corretos e no tempo adequado também podem ajudar.

Agora, se perceber qualquer alteração na pelagem de seu pet, procure um veterinário. Somente este profissional identificará os motivos e poderá indicar o tratamento correto.

Por Tatiane Mota