Pets com deficiência – saiba como ajudar

  • Cão, Gato, Novidades, Saúde
  • Nenhum comentário
  • CSA Jardins

Os pets com deficiência enfrentam alguns desafios no dia a dia, mas isso não quer dizer que não vivem uma vida feliz. Entre as condições mais comuns, estão a cegueira, surdez e paraplegia, que podem ser de provenientes de doenças, ordem genética, sequela de algum acidente ou maus tratos.

Diferente dos humanos, os cães e gatos não lidam com sentimentos complexos, ou seja, eles não sentem culpa, nostalgia ou se comparam com outros e imaginam uma vida sem a deficiência. Eles podem até ficar amoados e apresentarem alguma dificuldade, mas com a ajuda dos tutores, logo se adaptam à nova vida.

Como ajudar os pets com deficiência?

Alguns treinamentos podem ajudar o seu pet a ter uma vida normal. Lembre-se, o empenho e a paciência do tutor fazem toda a diferença. Confira algumas dicas:

Em caso de cegueira, é importante que os tutores evitem objetos que travem o caminho do animal pela casa. Com o tempo, eles aprenderão a circular pelos espaços com o olfato e a audição mais aguçados, podendo aprender os caminhos até a cama, pote de ração e lugar de fazer as necessidades.

A surdez não costuma afetar a vida de forma drástica, porém o pet precisará de estímulos visuais e táteis para aprender. O treinamento pode ser feito com luzes, gestos, objetos e expressões faciais. Evite dar sustos enquanto o pet está distraído, isso pode desencadear um comportamento agressivo devido ao instinto natural de defesa.

Os pets paraplégicos, ou que não tem algum membro, podem ter a qualidade de vida melhorada com o uso de um andador ou cadeira de rodas. Muitas vezes, eles até encontrarão um meio de se locomover sem o equipamento, mas correm o risco de se machucarem enquanto arrastam o corpo.

Vida normal e muita diversão

Os pets com deficiência também gostam de levar uma vida ativa. Os passeios podem ser aliados no aprendizado, já que estimulam todos os sentidos. Por exemplo, os animais surdos podem ver outros ambientes, e os cachorros cegos podem escutar sons diferenciados.

Lembre-se de colocar uma guia de identificação com os seus dados. Caso o seu animalzinho escape, será muito mais fácil de encontrá-lo.

Não esqueça de fazer o check-up no seu pet para saber se a saúde dele está em dia.

Deixe uma resposta