Saiba como identificar o cio em gatas e cadelas

  • Cão, Gato, Novidades, Saúde
  • Nenhum comentário
  • CSA Jardins

O cio em gatas e cadelas é sinal de que elas estão prontas para reproduzir. Durante esse período, as fêmeas passam por diversas alterações hormonais e podem apresentar mudanças comportamentais e psicológicas. Os tutores devem estar sempre atentos para garantir o bem-estar do pet durante essa fase, e se desejar, preparar-se para a chegada dos novos bebês de quatro patas.

O cio em cadelas

Apesar de sabermos que o primeiro cio da cadela ocorre a partir de sua maturidade sexual, entre seis e doze meses, não existe uma idade certa para acontecer. O cio é uma das etapas do ciclo estral, confira:

  • Proestro – fase inicial de estimulação hormonal do ciclo estral. A cadela começa a liberar os feromônios que atraem os machos, mas ainda não aceita a monta. É possível notar o aumento da vulva e uma secreção avermelhada.
  • Estro – fase é ideal para o acasalamento, pois a cadela já está em período fértil
  • Diestro – nessa fase ocorre a estimulação hormonal que possibilita a manutenção da gestação (em casos de fecundação e fertilização). É importante lembrar que pode ocorrer até em cadelas que não cruzaram, podendo resultar em gravidez psicológica.
  • Anestro – Período de recuperação até o próximo ciclo.

Durante o cio, é importante que os tutores acolham as cadelas com muito carinho e fiquem atentos em alguns pontos:

  • Algumas cadelas apresentam falta de apetite ou apetite seletivo
  • Devido ao inchaço na vulva, a região pode sofrer traumas ou a cadela pode lamber em excesso
  • As fraldas caninas atuam como absorventes e devem ser trocadas duas vezes ao dia.

 

O cio em gatas

O primeiro cio das gatinhas costuma acontecer até os dez meses, com duração média de 5 a 20 dias, voltando a se repetir a cada dois meses. Ao sentir o cheiro de gatos não castrados, o organismo das fêmeas começa a se preparar para a reprodução. As bichanas costumam apresentar mudanças perceptíveis de comportamento, como:

  • Fica muito mais dengosa
  • Urina com maior frequência
  • Demarca território com jatos de urina fora da caixa higiênica, podendo ser em móveis
  • Miados altos, principalmente durante a noite

Além disso, outro sinal bem evidente é que as gatas rebolam e se esfregam no chão, deixando a genitália bem exposta para indicar disponibilidade. Vale ressaltar a importância das redes de segurança para evitar que a gata saia ou receba visitas de machos. Uma alternativa para acalmar os sinais do cio é comprar os feromônios artificias.

Apesar das diferenças do cio em gatas e cadelas, a duração das gestações são parecidas, durando entre 63 e 65 dias. É importante lembrarmos que para evitar a chegada de filhotes indesejados, a castração é a melhor saída. Além de impedir a gravidez, a cirurgia ajuda na prevenção de doenças, como a piometra e o câncer de mama.

Que tal visitar o CSA Jardins e consultar um de nossos veterinários? Esperamos por você!

Deixe uma resposta